Genotype x environment interaction for corn oil content in different fertilizing and season

Weder Ferreira dos Santos, Flávio Sérgio Afférri, Joênes Mucci Pelúzio, Rafael Marcelino da Silva, Lucas Alves de Faria, Layanni Ferreira Sodré

Abstract


The genotypes present differential behavior as a function of genotype x environment interaction, having an effect on heritability estimation and selection gain. Thus, the present study was carried out with the objective of studying the interaction genotype x environment, for oil content in corn grains, as a function of nitrogen doses and sowing times. In the agricultural year 2015/16, six competition trials of maize genotypes were carried out in Palmas-TO, three of which were installed on 12.01.2015 and three on 01.01.2016. The trials were installed at two sowing times, and in each season, the genotypes were cultivated under conditions of low, medium and high nitrogen in coverage. The experimental design used in each trial was randomized blocks with 12 genotypes and three replicates. Analyzes of adaptability, stability, stratification and environmental dissimilarity were performed. The genotype GEN 12 is potentially promising for the oil content, being considered ideal by the methodology of Eberhart & Russel (1966). Evaluations of maize genotypes, carried out at different times under the same fertilization dose, provide similar results.


Keywords


Adaptability; Fertilizing; Stratification; Zea mays

Full Text:

PDF (PORTUGUESE)

References


Albuquerque, A. W., Santos, J.R., Moura Filho, G., & Reis, L.S. (2013). Plantas de cobertura e adubação nitrogenada na produção de milho em sistema de plantio direto. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e

Ambiental, 17(7), 721-726, 2013. http://doi.org/10.1590/S1415-43662013000700005

Cancellier, L. L., Afférri, F. S., Carvalho, E. V., Dotto, M. A., & Leão, F. F. (2011). Eficiência no uso de nitrogênio e correlação fenotípica em populações tropicais de milho no Tocantins. Revista Ciência Agronômica, 42(1), 139-148. http://doi.org/10.1590/S1806-66902011000100018

Carvalho, E. V., Afférri, F. S., Peluzio, J. M., Rotili, E. A., Dotto, M. A., & Santos, W. F. (2013a). Estratificação e dissimilaridade ambiental em genótipos de milho no Tocantins, com adubação e safras distintas. Comunicata Scientiae, 4(3), 277-284.

Carvalho, E. V., Afférri, F. S., Peluzio, J. M., Rotili, E. A., Dotto, M. A., Faria, L. A. (2016). Parâmetros genéticos e associação de metodologias de EUN no milho sob diferentes doses de nitrogênio. Journal of Bioenergy and Food Science, 3(1), 36-41, 2016. http://doi.org/10.18067/jbfs.v3i1.61

Carvalho, E. V., Peluzio, J. M., Santos, W. F., Afférri, F. S., & Dotto, M. A. (2013b). Adaptabilidade e estabilidade de genótipos de soja em Tocantins. Revista Agro@mbiente On-line, 7(2), 162-169, 2013b.

Carvalho, R. P., Pinho, R.G. von, & Davide, L. M. C. (2012). Eficiência de cultivares de milho na absorção e uso de nitrogênio em ambiente de casa de vegetação. Semina: Ciências Agrárias, 33(6), 2125-2136. http://doi.org/1679-0359.2012v33n6p2125

Companhia Nacional de Abastecimento (2015). Acompanhamento da safra brasileira de grãos – Décimo primeiro levantamento. Brasília:CONAB. Recuperado de http://www.conab.gov.br

Cruz, C. D., & Castoldi, F. L. (1991). Decomposição da interação genótipo x ambientes em partes simples e complexa. Revista Ceres, 38(219), 422-430.

Cruz, C. D., Regazzi, A. J., & Carneiro, P. C. S. (2014). Modelos biométricos aplicados ao melhoramento genético. (3 ed) Viçosa:UFV, 668p.

Dovale, J. C., Fritsche-Neto, R., Bermudez, F., & Miranda, G. V. (2012). Efeitos gênicos de caracteres associados à eficiência no uso do nitrogênio. Pesquisa Agropecuária Brasileira, 47(3), 385-392.

Duarte, A. P., Carvalho, C. R. L., & Cavichioli, J. C. (2008). Densidade, teor de óleo e produtividade de grãos em híbridos de milho. Bragantia, 67(3), 759-767. http://doi.org/10.1590/S0006-87052008000300026

Eberhart, S. A., & Russell, W. A. (1966). Stability parameters for comparing varieties. Crop Science, 6(1), 36-40.

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (2006). Circular técnica 75: Aspectos físicos, químicos e tecnológicos do grão de milho. Recuperado de http://www.cnpms.embrapa.br/publicacoes/publica/2006/circular/Circ_75.pdf

Fancelli, A. L., Dourado Neto, D. (2008). Produção de milho. (2 ed). Guaíba:Agropecuária, 360p.

Fidelis, R. R., Miranda, G. V., Santos, I. C., Galvão, J. C. C., Peluzio, J. M., & Lima, S. O. (2007). Fontes de germoplasma de milho para estresse de baixo nitrogênio. Pesquisa Agropecuária Tropical, 37(3), 147-153.

Gazola, D., Zucareli, C., Silva, R. R., & Fonseca, I. C. B. (2014). Aplicação foliar de aminoácidos e adubação nitrogenada de cobertura na cultura do milho safrinha. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental Campina Grande, 18(7), 700–707, http://doi.org/10.1590/S1415-43662014000700005

Lin, C. S. (1982). Grouping genotypes by cluster method directly related to genotype-environment interaction mean square. Theoretical and Applied Genetics, 62(3), 277-280. http://doi.org/10.1007/BF00276251

Lin, C. S., & Binns, M. R. (1988). A superiority measure of cultivar performance for cultivars x location data. Canadian Journal of Plant Science, 68(1), 193-198.

Okumura, R. S., Mariano, D. C., Zaccheo, & P. V. C. (2011). Uso de fertilizante nitrogenado na cultura do milho: uma revisão. Revista Brasileira de Tecnologia Aplicada nas Ciências Agrárias, 4(2), 226-244.

Oliveira, L. R., Miranda, G. V., Lima, R. O., Fritsche-Neto, R., Galvão, J. C. C. (2013). Eficiência na absorção e utilização de nitrogênio e atividade enzimática em genótipos de milho. Revista Ciência Agronômica, 44(3), 614-621.

Peluzio, J. M., Afférri, F. S., Monteiro, F. J. F., Melo, A. V., & Pimenta, R.S. (2010). Adaptabilidade e estabilidade de cultivares de soja em várzea irrigada no Tocantins. Revista Ciência Agronômica, 41(3), 427-434. http://doi.org/10.1590/S1806-66902010000300015

Peluzio, J. M., Gerominni, G. D., Silva, J. P. A., Afférri, F. S., & Vendruscolo, J. B. G. (2012). Estratificação e dissimilaridade ambiental para avaliação de cultivares de soja no Estado do Tocantins. Bioscience Journal, 28(3), 332-337.

Santos, W. F., Afférri, F. S., & Peluzio, J. M. (2015). Eficiência ao uso do nitrogênio e biodiversidade em genótipos de milho para teor de óleo. Enciclopédia Biosfera, 11(21), 2916-2925.

Santos, W. F., Peluzio, J. M., Afférri, F. S., Sodré, L. F., Santos, D. S., & Farias, T. C. M. (2014). Variabilidade genética e eficiência de uso do nitrogênio em populações de milho para teor de óleo. Revista Ciência Agrárias, 57(3), 312-317, http://doi.org/10.4322/rca.ao1358




DOI: http://dx.doi.org/10.18067/jbfs.v5i1.176

Refbacks

  • There are currently no refbacks.
';



 

Follow us

FacebookTwitter

J. Bioen. Food Sci., Macapá, AP, Brazil. eISSN 2359-2710

  Licença Creative Commons 

The journal is licensed with Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional

 

Address for correspondence

Professor Victor Hugo Gomes Sales

Journal of Bioenergy and Food Science

Federal Institute of Amapá, Campus Macapá.

Rodovia BR 210 KM 3, s/n Bairro Brasil Novo. CEP: 68.909-398. Macapá, Brazil.

Phone: +55 (96) 3198-2150

jbfs@ifap.edu.br | suporte.jbfs@ifap.edu.br