Governança e a Incorporação Imobiliária: os atores do urbano que recebem os benefícios do Estado

Anaíle Terumi Moura

Resumo


Por meio de revisão bibliográfica, buscaremos discutir a atuação de um dos principais atores privados na produção do espaço urbano sob o prisma da governança: os incorporadores imobiliários. Acreditamos que esses atores se beneficiam das ações do Estado por meio de conexões construídas ao longo de tempo com agentes estatais, mobilizadas durante o processo de governança. Assim, iniciaremos com um debate sobre a governança e a apresentação de uma definição e uma proposta de análise por meio de padrões de governança e seus subgrupos, elaboradas por Eduardo Marques (2013). Em seguida, exploraremos a questão de quem se beneficia com as ações do Estado e introduziremos a classe da incorporação imobiliária, descrevendo a atividade e as disputas inerentes a ela. Por fim, buscaremos paralelos entre a governança e a atividade de incorporação imobiliária, mostrando as formas como se beneficiam das ações do Estado.


Palavras-chave


Governança; Incorporação Imobiliária; Estado.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.